quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Jogador é expulso ao receber dois cartões amarelos em sete segundos na Europa

 

Chris Baird, da Irlanda do Norte, conseguiu a proeza em partida contra a Hungria, pela fase classificatória da Eurocopa


Chris Baird, da Irlanda do Norte, mostra surpresa ao receber o cartão vermelho do árbitro Cuneyt Çakir, em partida contra a Hungria: meia recebeu dois amarelos em sete
Sete segundos. Nesse curto espaço de tempo, o meia Chris Baird recebeu dois cartões amarelos, foi expulso e quase complicou as chances de classificação da Irlanda do Norte à Eurocopa. Àquela altura, aos 35 minutos do segundo tempo, a seleção de Baird era derrotada em casa pela Hungria, por 1 a 0, resultado que a mantinha na liderança do Grupo F, mas com 16 pontos, empatada com a Romênia e apenas um ponto à frente dos húngaros pela fase classificatória para a competição europeia.
Baird, camisa 6 da Irlanda do Norte, mostra temperamento explosivo e dá um pontapé fora do lance, por trás, em um adversário. O árbitro turco Cuneyt Çakir deixa o lance seguir, já que a Hungria tinha o contra-ataque. O incansável Baird, no entanto, volta à cena novamente, interrompendo a jogada húngara com uma rasteira na altura do meio-de-campo. O árbitro é implacável: sinaliza para os dois lances e mostra um cartão amarelo para cada falta, o que acarreta na expulsão do norte-irlandês.
O lance, é claro, gerou polêmica. Michael O'Neill, treinador da Irlanda do Norte, argumentou que a expulsão não era válida porque Baird não teria cometido a segunda falta se soubesse que levaria cartão amarelo pela primeira.
Fato é que o lance parece ter atiçado os ânimos da Irlanda do Norte. Mesmo com um jogador a menos, a seleção chegou ao empate nos acréscimos, com gol do atacante Kyle Lafferty, e se isolou na liderança do Grupo F, com 17 pontos, a duas rodadas do fim da fase classificatória da Eurocopa. A Romênia, vice-líder, completa a zona de classificação, com 16 pontos. Vendo a vitória escorrer pelos dedos nos minutos finais, a Hungria ficou em terceiro, com 13 pontos.


Fonte/OGlobo

Nenhum comentário:

Postar um comentário